Lightworks se torna Open Source

6 dez

Nos resultados da nossa pesquisa aqui no site, sobre qual software de edição os leitores costumam utilizar, costuma ter destaque o Final Cut, Adobe Premiere, After Effects, Vegas e Avid. Pois um programa que poucos conhecem, o Lightworks, tornou-se open source. E não se engane, o Lightworks é um software muito utilizado em Hollywood, na lista de filmes editados com ele podemos encontrar nomes como Shutter Island, The Departed, Moulin Rouge e Pulp Fiction, só pra citar alguns.

Para baixar é fácil, basta se cadastrar gratuitamente no site e baixar o programa que, por enquanto, tem apenas uma versão para Windows. O editor Edmar da Costa Barros criou um blog onde pretende trocar informações e experiências sobre o software.

Eu já baixei e recomendo: é fácil de usar e bastante prático, embora ainda esteja me acostumando. Vale a pena experimentar.

Anúncios

2 Respostas to “Lightworks se torna Open Source”

  1. Alberto 07/12/2010 às 18:06 #

    Ah, esqueci de falar de algo bem interessante. Quando você inicia o programa, ele pergunta que configuração de teclado você quer manter: a do AVID ou do FINAL CUT. Mais um facilitador pra quem quer ingressar nesse programa e não tá afim de ter que aprender atalhos novos ;o)

    Curtir

  2. raulzito77@gmail.com 17/01/2012 às 14:32 #

    Olá! Baixei o Lightworks, mas ainda estou apanhando. Consegui fazer as edições, mas não sei como finalizá-las (exportar?) A trilha sonora que importei não aparece na edição pronta.

    Raul raulzito77@gmail.com

    Curtir

Divulgue! www.oeditor.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.