Arquivo | abril, 2012

Autodesk Smoke 2013 [ NAB 2012 ]

16 abr

Grande novidade em Las Vegas.
O Autodesk Smoke 2013 agora estará muito mais amigavel!!!
E com o preco vertiginosamente mais barato. Sugerido por U$3495.

A Escola Azimut estará oferencendo os treinamentos de Autodesk Smoke 2013 muito em breve.
Nesta semana o diretor/proprietário Ranz estará enviando matérias exclusivas sobre este evento em Las Vegas.

Melhor e Pior Abertura de 2011

5 abr

Finalmente os votos foram contados e vamos conhecer agora os selecionados para melhor e para pior abertura de 2011, segundo o Televisual.

A disputa pelo lugar de melhor abertura teve um líder disparado. A vinheta da sessão de filmes do canal Megapix, Movie Box, produzida pelo competentíssimo estúdio Beeld foi o ganhador. A refinada apresentação do programa da TV Cultura, Reis da Rua, desenvolvida pelos estúdios GotaCX e Mosquito Project ficou em segundo lugar, com uma quantidade expressiva de votos. O terceiro lugar ficou para a abertura da novela da Rede Globo: o Astro. Apesar da qualidade dos efeitos gráficos produzidos por Alexandre Romano que conferiram ao trabalho um expressivo número de votos a favor, ela foi bastante rejeitada, sendo eleita por mais que o dobro de votos como a pior abertura.

Melhor Abertura: Movie Box

Entre as piores abertura, a votação foi mais acirrada. As três mais votadas foram todas produzidas pela Rede Globo. Em terceiro ficou para a bizarra apresentação de Lara com Z, com imagens de Suzana Vieira em estilo pin-up. Em segundo ficou para o entendiante rodopio da estátua africana de Insentato Coração. Mas em primeiríssimo lugar ficou para o o desfile da moça em um jogo de espelhos, da abertura de Fina Estampa.

Pior Abertura: Fina Estampa

Fonte e Pesquisa: Televisual

[ Vinheta ] National Geographic Channel

1 abr

A competente equipe argentina Lumbre, sob a direção de Sérgio Saleh, foi responsável pela elaboração das novas vinhetas do canal NatGeo. E dessa vez voltaram a trabalhar com cenas em live-action, sem truques de computação gráfica.

O processo criativo de elaboração da construção do símbolo do canal é ressaltado durante o vídeo, sugerindo os conceitos de curiosidade e exploração. Os agentes responsáveis pela peças também são seu atores. O símbolo é construído de diferentes formas, em um trabalho praticamente artesanal. Em cada vídeo foram expostas técnicas e experimentações completamente diferentes, chegando a resultados realmente inusitados e super interessantes.

Aliás, não foi a primeira vez que a NatGeo realiza um experimento com esse conceito. Essas vinhetas lembram outra ação realizada em 2008 para a programação especial Space Week, na qual foram realizadas interações entre pessoas e objetos com a famosa moldura amarela em gravidade zero.
Storyboard



Bastidores