Arquivo | fevereiro, 2014

Você cuida da sua postura?

26 fev

Créditos: dslrbrasil.com.br  | Indicação: Melina Frazão Lopes

Toda profissão tem seu lado bom e ruim da área, mas sem dúvidas todos aqueles que trabalham sentado em um escritório na frente de um computador sofrem de doenças e dores parecidas.

O Problema
Vamos falar sobre postura, algo que para muitos não tem importância.

Comecei a pesquisar um pouco sobre Postura Correta em Escritório, Ergonomia, e descobri que muitas dores que eu sentia vem da má postura que eu estava ficando na frente do computador.

Agora se você usa Monitor, procure colocar alguns livros ou suportes para levantar na altura de sua cabeça como nos exemplos à baixo.

img201305220122380

monitor-stand

Prevenção

De acordo com os especialistas há como prevenirmos esses problemas:

  • Não passando tantas horas na frente do computador.
  • Fazendo pausas a cada 40, 60 min.
  • Seções de alongamentos das mãos, braços e pernas.
  • Olhar para o horizonte nos intervalos para descansar os olhos.
  • E praticar um exercício, pois assim evitamos alguns outros problemas como a obesidade.

Comerciais | Nostalgia anos 80/90

12 fev

Muitos comerciais veiculados na televisão brasileira ficaram famosos e até hoje despertam a nostalgia das pessoas.

De tão bons e criativos, eles marcaram uma geração.

Você tem alguma sugestão? contato@oeditor.com

Dizem que recordar é viver!





O processo de Animação | VideoClipe

10 fev

Texto: Rafael Araújo – chocoladesign.com

Olá galera, hoje vou compartilhar um trabalho bem bacana em que pude participar, contarei de uma forma simplificada como foi criar uma animação para a música You And Me And The Bright Blue Sky da Fernanda Takai.

O clipe digirido pelos diretores André Saito e Cesar Nery, dupla conhecida como Kid Burro, propuseram transformar a letra da música numa narrativa do ponto de vista de um cão fiél a sua companheira. Segundo eles, a Fernanda deu total liberdade criativa para a elaboração do roteiro e, a partir daí, imprimiram um olhar cinematográfico para o projeto, transformando a música na trilha sonora da história dessa dupla.

A bela fotografia do clipe se dá por conta dos dois dias de filmagem no deserto argentino “La Quebrada de las Conchas”, e o protagonista cão “Goro”, surpreendeu a todos por ter sido encontrado pela produção no meio da estrada, foi o par perfeito para contracenar com a atriz Andrea Lombardi.

“Nosso roteiro pedia uma locação no deserto, o que dificultava muito que as filmagens fossem feitas em São Paulo ou até mesmo no Brasil. Foram duas diárias intensas na Argentina, mas que trouxeram um resultado que certamente não iríamos atingir se tivéssemos simulado esse ambiente por aqui”, explica o diretor Cesar Nery.

Para transmitir o pensamento do cachorro, o coletivo de vídeo Los Cabras (onde eu participei) foi responsável por uma animação de 30 segundos em preto e branco para reforçar a reflexão do personagem – já que é assim que dizem que os cachorros enxergam.

O briefing para animação

O processo da animação começou antes das filmagens, então após algumas conversas com os diretores, tivemos grande liberdade para criar, desde que fosse bem lúdico e que mostrasse a forte relação do cão com a dona, adotamos também um estilo frame a frame para o visual da animação. O primeiro passo foi apresentar um storyboard com a ideia formada, e alguns rascunhos para definir a personalidade da atriz.

Com alguns ajustes e mudanças, assistimos diversas referências e alinhamos tudo antes de começar as animações, no total tivemos um prazo apertado: 2 semanas de trabalho árduo para a produção, com uma carga horária que variava bastante, mas que basicamente tomava todo o dia, boa parte foi feita no photoshop, pintando frame a frame as cenas em 12 quadros por segundo, e finalizada/composta no after effects, aplicando as texturas e acertando os detalhes pendentes.

Para as alterações tivemos mais tempo, cerca de 1 mês, e pudemos trabalhar com mais tranquilidade, com o estilo já determinado poucas mudanças foram pedidas além de 1 cena nova que não tinha no primeiro animatic apresentado. Foi um desafio e tanto, além de uma experiência totalmente nova, mesmo correndo contra o tempo foi um trabalho com um resultado muito legal e a mescla de cena animada com os takes filmados deu super certo.




Animar somente 30 segundos dá mais trabalho do que parece minha gente! espero que tenham gostado e até a próxima! 🙂

Texto: Rafael Araújo – chocoladesign.com

Sexta Curta | Raimundo Arruda Sobrinho

7 fev

Indicação: Fernanda Ramalho (fernanda@oeditor.com)

Raimundo Arruda Sobrinho foi um morador de rua por quase 35 anos, e tornou-se conhecido por sentar-se no mesmo local e escrever poemas todos os dias.

Em abril de 2011, ele fez amizade com uma jovem chamada Shalla Monteiro.

Impressionada com seus poemas e por querer ajudá-lo com seu sonho de publicar um livro, ela criou uma página no Facebook. O Final desta história é impressionante.

Diretor – Michael Marantz
Diretor de Fotografia – Tim Sessler
Produtor – Jason Oppliger e William Guimaraes
Música Original – Michael Marantz

Esta é uma das 10 histórias que celebram o 10º aniversário do Facebook.

30 anos de Macintosh

7 fev

Indicação: Fernanda Ramalho (fernanda@oeditor.com)
O comercial que a Apple quase exibiu durante o Super Bowl

Assista ao filme “1.24.14”, criado pela TBWA\Media Arts Lab para a Apple, que celebra os 30 anos do Macintosh.

Segundo o Adweek, a companhia pretendia exibi-lo durante o intervalo do Super Bowl deste ano, mas acabou não concretizando a ideia e decidiu apresentá-lo apenas na internet.

No dia 24 de janeiro deste ano, 30 anos depois do lançamento do Mac, a Apple enviou 15 equipes de filmagem, para diferentes partes do mundo, para captar um dia na vida de pessoas usando produtos da companhia. Eles documentaram mais de 70 horas, tudo captado com o iPhone 5s. Em seguida, o filme foi editado e ganhou trilha sonora original.

Créditos: Clube Online – CLUBE DE CRIAÇÃO DE SÃO PAULO

Abertura | Em Família

6 fev

Manoel Carlos apresenta uma narrativa própria em suas novelas. Costuma tratar de relações familiares com um tom naturalista e com uma ênfase nas personagens femininas e na classe média alta. ”Em Família”, sua última novela, promete não fugir dessa grife.

A abertura, como não poderia deixar de ser, trata dessas relações familiares. Bastante simples, ela exibe uma árvore com fotos das personagens em todas as fases, penduradas nos galhos por fios dourados. A relação com a árvore genealógica não poderia ser mais clara e óbvia. Entretanto, sua representação se mostrou pertinente e sua apresentação sofisticada.

A inspiração para a criação da abertura veio mais uma vez da internet. O estúdio australiano Bluehat desenvolveu um vídeo customizável com a mesma ideia e estética. A equipe de videografismos não utilizou o template, mas o vídeo é indubitavelmente bem próximo da versão gringa. Tenho a impressão que será um período de vacas gordas para os designers da Austrália.

Segundo o departamento de Comunicação do canal, as decorações de festas também serviram de inspiração. “Nossa ideia foi reforçar esses laços familiares com fios de ouro, mostrando como essas relações são valiosas. Fotos em árvores também têm sido muito usadas na decoração de festas e celebrações familiares. Conhecíamos a referência do site, mas ela não foi a única que usamos”.

A trilha sonora da vinheta de “Em Família” mais um vez utiliza um clássico carioca romântico da música popular brasileira: “Eu sei que vou te amar”, de Tom Jobim e Vinícius de Moraes e interpretada por Ana Carolina.

Em relação à assinatura visual, o logotipo caligráfico da novela consegue sintetizar de maneira agradável a delicadeza e romantismo da abertura. Diferente da fonte dos créditos que causam ruído. Atrapalham a visualização das fotos, simplesmente por uma falta de cuidado na disposição dos letreiros.

Como se pode notar, originalidade não é algo que se esteja buscando. Procura-se de todas as formas preservar nesta novela a inegável marca registrada do Maneco, que assim como a vinheta, possui uma trama fundamentada em um template particular, com “Helenas” e “Leblons” inclusos.

Ficha Técnica

Ano: 2014
Canal: Rede Globo
Produção: Equipe Videographics
Trilha: “Eu sei que vou te amar”, de Tom Jobim e Vinícius de Moraes por Ana Carolina

Créditos: Blog televisual

ROBOCOP 2014 | Making Of

5 fev

Robocop é um filme de ação e ficção científica dirigido por José Padilha.
É um remake do filme de 1987 de mesmo nome e um reboot da série de filmes RoboCop, tornando-se o quarto capítulo da franquia.

A Screen Gems anunciou um remake em 2005, mas a produção foi interrompida um ano depois. Darren Aronofsky e David Self foram originalmente designados para dirigir e escrever o filme, respectivamente, para uma liberação provisória em 2010.

O filme foi adiado inúmeras vezes, e o diretor José Padilha foi confirmado em 2011.

Josh Zetumer escreve o roteiro no novo RoboCop. Na trama, o conglomerado multinacional OmniCorp lidera a tecnologia robótica. Seus androides estão vencendo as guerras dos Estados Unidos ao redor do globo e agora eles pretendem aplicar essa tecnologia em solo americano. Quando Alex Murphy (Joel Kinnaman), marido e pai amoroso e bom policial, é salvo por um milagre de uma explosão premeditada, ele se torna a cobaia perfeita para ser o primeiro ciborgue da OmniCorp – a maneira de combater o crime com máquinas sem abrir mão da consciência humana.

Abbie Cornish, Gary Oldman, Samuel L. Jackson e Michael Keaton estão no elenco, entre outros. RoboCop estreia em 21 de fevereiro de 2014.