A Blackmagic marca um Grand Slam com a Cobertura do Beisebol Venezuelano

18 fev

Graças a um recente acordo histórico dos direitos de transmissão na Venezuela, a Promar TV tornou-se a produtora oficial da LVBP (Liga Venezuelana de Beisebol Profissional), gerenciando a produção de todos os jogos para redes e canais nacionais e estrangeiros. Sendo o beisebol o esporte preferido na Venezuela, a Promar teve a oportunidade única de mostrar suas inovadoras proezas de transmissão. Jorge Santiago Kossowski, gerente de engenharia da Promar TV, explica: “Nessa temporada a maneira com que produzidos os jogos de beisebol mudou significativamente aqui na Venezuela, já que a VC Medios comprou todos os direitos de transmissão do LVBP.

Captura de Tela 2015-02-18 às 09.34.08

Ela nos contratou para gerenciar a produção para todas as emissoras interessadas em comprar dela os direitos de transmissão dos jogos. Estamos falando de todos os canais de televisão da Venezuela, além do Fox Sports, do ESPN espanhol, e estamos gerenciando a produção para todos eles”.

Antes do acordo, as emissoras e redes de TV gerenciavam suas próprias produções e transmissões, enviando caminhões, câmeras, cinegrafistas e técnicos para cada jogo e estádio. Mas tudo isso mudou e hoje a Promar TV gerencia a produção para elas sob um único teto de produção, trabalhando com cada emissora e rede para personalizar a transmissão de acordo com a sua marca no ar.

Apesar da tarefa de gerenciar uma produção com tamanha escala ser demais para alguns, a Promar não é novata no que diz respeito à produção de conteúdo. Com sede em Barquisimeto, Venezuela, a Promar TV é um empreendimento de mídia de três gerações. O avô de Jorge, que imigrou da Polônia para a Venezuela in 1949, começou produzindo filmes.

Ele passou para a televisão quando a mesma se tornou disponível na Venezuela, durantes os anos 50, e, em 1995, inaugurou a Promar TV com seu filho, o pai de Jorge. Hoje a Promar TV é a maior produtora e emissora de TV da Venezuela, com uma infraestrutura técnica que a torna uma jogadora de primeira linha. Não é de surpreender que tenham muitos equipamentos da Blackmagic Design como parte de sua formação campeã.

Captura de Tela 2015-02-18 às 09.33.43

Cobrindo sua Base Com a produção para tantas emissoras e redes sendo gerenciadas pela Promar, Jorge precisou considerar todo os ângulos e montar um workflow de produção que suportasse eficientemente as várias necessidades. Ele comenta: “Costumávamos gerenciar a produção para apenas um canal de TV: o nosso próprio. Mas com a mudança nos direitos de transmissão, precisamos gerenciar até quatro emissoras/redes de TV transmitindo o mesmo jogo e, é claro, cada uma delas com próprias inserções de comerciais e marcas. Cada uma delas queria que seus próprios comentaristas comentassem o jogo de uma das cabines de imprensa dos estádios, bem como do campo. A preparação de cada comentarista precisava de sua própria fonte de câmeras no dia do jogo”.

Além de cuidar das necessidades individuais de cada emissora/rede, a Promar tinha que atender ao próprio jogo. Isso significava fontes individuais para as cabines de imprensa e árbitros do jogo. “Esse ano tivemos uma nova regra no beisebol: um treinador pode questionar a decisão do árbitro. Para isso, o árbitro precisa revisar a jogada de múltiplos ângulos e é responsabilidade da Promar capturar e disponibilizar o replay instantâneo apenas para os árbitros”.

Jorge passou meses testando os equipamentos para garantir que cada necessidade fosse atendida. O workflow resultante que poderia gerenciar tudo isso contou com um novo caminhão tático de 7 metros para transmissões externas equipado com um ATEM 2 M/E Production Switcher 4K, um Universal Videohub 72×144, quatro Teranex 2Ds, sete HyperDeck Studios, um UltraScope, um UltraStudio 3D da Blackmagic Design e muitos Mini Converters. “O tamanho compacto dos produtos de transmissão da Blackmagic Design nos permitiu acomodar todos os equipamentos necessários e ainda ter 11 pessoas trabalhando confortavelmente dentro do caminhão”.

Captura de Tela 2015-02-18 às 09.34.21

A Promar Leva o Universal Videohub Para o Jogo de Bola O número de fontes que a Promar gerenciava em cada jogo demandava uma rede de vídeo dimensionável. Para acomodar isso, a Promar investiu no Universal Videohub da Blackmagic.

Jorge explica o motivo por trás da compra: “Era muito compacto, o que o tornava ergonomicamente ideal para o nosso novo caminhão de transmissões externas. Porém, o motivo principal para comprar o Videohub foi que poderíamos colocar todos os 216 cabos através de um único equipamento, facilitando muito fazer o cabeamento. Antes tínhamos cabos espalhados por toda a parte. Quando ocorria uma falha e você não soubesse o que a provocava, precisava verificar 144 cabos. Era como tentar achar uma agulha no palheiro.

Com o Blackmagic Universal Videohub tudo é centralizado e, se precisássemos encontrar algo, saberíamos que estaria ali”.

Consolidar o cabeamento em uma unidade compacta não foi o único benefício. Jorge adora o controle remoto do sistema. “O Videohub é muito simples de operar. O fato de podermos controlá-lo remotamente é simplesmente fantástico. Caminho pelo estádio com meu iPad e redireciono os sinais na hora. Não preciso voltar para o caminhão a cada mudança ou correção. Poupa um tempo enorme”.

range

ATEM no Bastão

O Blackmagic Design ATEM 2 M/E Production Switcher 4K também foi recrutado de primeira quando chegou para equipar o caminhão de transmissão externa da Promar. “O Blackmagic ATEM foi nossa primeira escolha. A versatilidade oferecida por esse switcher 4K era exatamente o que precisávamos. Os barramentos auxiliares nos permitem separar facilmente as transmissões para diferentes emissoras e a facilidade de mudanças entre diferentes transições, tais como stingers, DVE wipes, entre outros, deu a cada emissora controle sobre o visual que queriam para suas transmissões.”, explica Jorge. “O diretor ou operador de ATEM de cada emissora pode controlar facilmente sua própria transmissão, colocar um ‘picture in picture’ ou incluir os ‘overlays’ de sua marca. Pode cortar para os comentários ou introduzir uma dublagem. É simples de usar, sem perder o controle que precisa”.

Ele acrescenta: “Quando você trabalha com tantos produtores como nós (um diferente para cada emissora e estádio), você precisa de um switcher simples de usar e que seja familiar a todos os diretores técnicos. Nessa temporada esperávamos trabalhar com oito diretores, cada um com seu próprio estilo e que gosta de organizar câmeras, VTRs, Multiviewer e tal de acordo com esse estilo. Precisávamos de um switcher que nos desse a flexibilidade para fazer isso, sem comprometer o workflow ou a qualidade da transmissão”.

Para simplificar o workflow, a Promar contou com as saídas auxiliares do ATEM e aplica a marca no sinal usando o gerador de caracteres (GC) principal. Isso é feito no upstream key (USK) em vez de no downstream key (DSK). O GC é distribuído em uma fonte limpa distribuída para o placar. Uma emissora usa a saída principal e a do DSK do switcher. As demais emissoras usam as saídas auxiliares. Cada auxiliar vai para uma placa Blackmagic Decklink que lida com os gráficos específicos de cada emissora. Cada emissora possui um operador facilitando os elementos do GC.

exploded

Melhorando a distribuição gráfica do ATEM, encontra-se o UltraStudio 3D da Blackmagic, que se integra perfeitamente ao software de GC da própria Promar. Jorge explica o exclusivo workflow de integração: “O conteúdo é o mesmo, mas os gráficos são diferentes para a marca de cada emissora. Por exemplo, quando um jogador chega para rebater, aparece o nome do jogador, mas cada emissora usa sua própria fonte, cor, etc. O UltraStudio ajuda a gerenciar isso facilmente”.

O software proprietário da Promar se integra ao UltraStudio 3D para mostrar gráficos no sinal de vídeo e nos canais chave. O canal de preenchimento representa o próprio gráfico individual e a chave (também chamado canal alfa) direciona o ATEM conforme o gráfico é apresentado. A integração automatiza o processo de entrega dos gráficos, permitindo a cada emissora customizar sua transmissão.

Teranex, HyperDeck Studio e Video UltraScope Levam a Promar até a Home Outra funcionalidade chave que os equipamentos da Blackmagic Design trouxeram para a produção foi seu amplo suporte a formatos. “Na Venezuela, nem todas as transmissões são em alta definição (HD). Ainda temos transmissões 4:3, que é uma definição padrão, e o 16:9, que é a tela com ângulo de visão amplo. Para gerenciar todas as conversões, usamos o Teranex da Blackmagic Design. É tão simples. Um pressionar de botão e você faz a alteração. E na produção de eventos ao vivo, onde tempo é dinheiro, esse tipo de transação rápida é crítico”.

A Promar captura os jogos em HD, oferecendo a cada emissora ou rede até quatro opções de formato para suas transmissões, graças às poderosas capacidades de conversão do Teranex.

Além de oferecer múltiplos formatos para escolha, a Promar captura praticamente todos os ângulos do jogo, para preservar o material do jogo e mostrar os replays. Para gravar essa quantidade massiva de conteúdo, a Promar emprega oito HyperDeck Studios.

“Possuímos oito HyperDecks da Blackmagic Design dedicados para gravar o jogo, principalmente para arquivamento”, complementa Jorge. “Também fazemos isso caso um momento importante do jogo não seja exibido durante a produção ao vivo. Por exemplo, um jogador caiu, mas o diretor não tinha aquela câmera no ar e ela não foi exibida em um replay instantâneo. Um dia depois, a equipe relata que o jogador torceu o tornozelo. A filmagem não estará na transmissão ao vivo, mas você poderá encontrá-la em uma das oito fontes principais gravadas pelo HyperDeck para replay em transmissões após o jogo”.

A filmagem limpa vem sem inserções gráficas, permitindo à Promar editá-las em futuras promoções e trailers ou disponibilizá-las para agências de notícias. O HyperDeck também permite que a Promar grave em disco rígido em vez de fita. Fácil de compartilhar, sem perda de qualidade e no que diz respeito a espaço, o conteúdo fica em um dispositivo de armazenamento em vez de ocupar um espaço físico valioso.

“É muito mais econômico usar o HyperDeck porque você pode gravar em disco rígido e descarregar em uma plataforma de armazenamento, podendo reutilizar o disco rígido. Com decks e fitas, você precisa salvar uma fita para cada dia, transmissão, câmera… Isso não só ocupa muito espaço, como custa muito dinheiro, porque você está constantemente gastando dinheiro com fitas. O HyperDeck da Blackmagic Design significa que podemos disponibilizar a mídia do jogo para todos que precisem dela imediatamente. E quando unido ao Teranex, podemos disponibilizar o formato exato de que precisam, sem perda alguma de qualidade”.

Blackmagic Video UltraScope conclui o extenso workflow para transmissões externas da Promar e garantindo que cada parte do conteúdo atenda os seus elevados padrões. Jorge reflete sobre o valor e a tranquilidade que o UltraScope oferece. “Para começar, é barato, então podemos ter muitos deles. Além disso, é uma saída de vídeo muito simples controlada por computador, então podemos facilmente enviá-la através de uma fonte via satélite para as emissoras e redes monitorarem diretamente. Cada emissora pode ver os níveis de vídeo, áudio, etc., para se certificarem de que o que estão transmitindo é de primeira qualidade.

Preciso dizer que, desde que implementamos isso, temos uma taxa de sucesso de 100%. O UltraScope me poupou muitos aborrecimentos e muitas chamadas telefônicas com técnicos”.

Com um pouco de ajuda da Blackmagic Design, a Promar teve uma temporada vitoriosa, provando que a decisão da VC Medios em deixá-la gerenciar a produção de todos os jogos da LVBP foi um grande sucesso. Ela espera cobrir a pós-temporada com sua formação campeã de equipamentos de transmissão da Blackmagic Design.

BMD_logo

Anúncios

Divulgue! www.oeditor.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s