Assemblage utiliza URSA Mini Pro 4.6K e DaVinci Resolve Mini Panel em vídeo da Riot Games

6 set

A Riot Games, baseada na Califórnia, EUA, responsável pelo game de sucesso ‘League of Legends’, é uma desenvolvedora e publicadora de jogos eletrônicos, além de organizadora de torneios de eSports. A empresa tem escritórios em vários lugares do mundo, incluindo Tóquio.A produtora multicultural Assemblage, de Tóquio, recentemente filmou e fez a pós-produção do novo vídeo de recrutamento corporativo da Riot Games. “Esse projeto é uma mistura de vídeo corporativo com recrutamento, para atrair os clientes e os novos talentos que a empresa procura”, disse Alexandre Bartholo, diretor de fotografia do projeto, e também CEO da Assemblage. Nós filmamos no estúdio e nos escritórios deles, onde entrevistamos várias pessoas”.

Alex continuou: “Inicialmente, eu estava pensando em usar só uma câmera para o projeto inteiro, porém o tempo era curto. Eu queria captar imagens de vários ângulos. Além disso, recentemente comecei a usar um kit de lentes Master Anamórficas da ARRI. E fiquei pensando em uma maneira de tirar o máximo delas. Então, resolvi adicionar outra câmera – a URSA Mini Pro”.

“Eu estava procurando uma câmera capaz de captar imagens de 10 bits, filmar em ProRes, e que tivesse filtros ND e encaixe de lentes PL. Testei outras câmeras com recursos similares, mas elas precisavam de equipamentos adicionais, como gravadores externos e cabos. Por outro lado, a URSA Mini Pro vêm com tudo incluído, o que significa uma menor chance de algo dar errado. Não preciso me preocupar com equipamentos externos causando problemas durante as filmagens. Além disso, a qualidade da imagem é ótima”.A URSA Mini Pro foi usada para captar close-ups e rolo B. Todo o projeto foi filmado no modo anamórfico da URSA Mini Pro e em 23.98fps, exceto o rolo B, que foi filmado em 40fps. “Filmei com a câmera na mão na maior parte do tempo pois não tínhamos tempo para colocá-la no tripé. Filmar o rolo B em câmera lenta deixa a estética do handheld mais limpa e mais interessante”, disse Alex.

“Quando eu estava filmando, utilizei o URSA Viewfinder na maior parte do tempo, o que ofereceu facilidade de uso e precisão de cores. Eu gosto dos controles físicos da câmera, que permitem ajustar balanço de brancos, LUTs e filtros ND enquanto visualizo as imagens através do Viewfinder. Além disso, o botão ‘de-squeeze’ da câmera é bem útil ao filmar em anamórfico”.

Durante as filmagens, a URSA Mini Pro estava sempre em stand by, pronta para filmar o rolo B. “Uma das grandes vantagens da URSA Mini Pro é que ela é compacta. Tudo é embutido e fácil de transportar. Seria complicado usar outras câmeras para o rolo B, pois perderíamos muito tempo montando um rig antes de começar a filmar, o que seria muito pesado e inadequado para a filmagem do rolo B com a câmera na mão.

“Eu já usei a URSA Mini original e gostei, mas na minha opinião as maiores vantagens do modelo novo são os filtros ND e o encaixe intercambiável de lentes. Embora eu quisesse usar um encaixe PL nesse projeto, talvez eu precise usar lentes EF em algumas filmagens de documentários, então é ótimo poder trocar o encaixe de lentes dependendo do meu trabalho. Além disso, prefiro os filtros ND integrados aos filtros ND externos, pois não dá para ter certeza se estou bloqueando uma quantidade igual de infravermelho, o que pode se tornar um problema na pós-produção, pois pode interferir na tonalidade do preto. Usando uma câmera com filtros ND integrados, posso ter certeza de que o preto é preto”.Na gradação de cores, Alex usou DaVinci Resolve Studio e o novo DaVinci Resolve Mini Panel.

“Antigamente, eu fazia a gradação com um painel de controle de terceiros, e agora passei a utilizar o Mini Panel. A qualidade do material é excelente. Eu não esperava que fosse tão boa assim nessa faixa de preço. O painel é sólido e agradável ao toque. Também gosto da disposição dos controles, que permitem acessar diversos recursos. É fácil de configurar, bastando conectar via USB. O toque dos trackballs e botões giratórios é bem superior quando comparado ao meu painel anterior. Também gosto muito das telas no painel, que exibem bastantes informações em tempo real. Principalmente quando eu uso vários tipos de Power Windows, ter uma referência visual é bem útil”, concluiu Alex.

Anúncios

Divulgue! www.oeditor.com

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s