Arquivo | junho, 2019

Clipe ‘So Long’ de Diplo com Participação de Cam Utiliza Blackmagic Design URSA Mini Pro e’Blackmagic RA’

24 jun

A Blackmagic Design anunciou hoje que o novo clipe musical “So Long” de Diplo, com participação da cantora country Cam foi filmado com uma URSA Mini Pro 4.6K no formato Blackmagic RAW.

Produzido durante o Festival Stagecoach 2019 em Indio, Califórnia, tanto o clipe quanto a música fogem da essência EDM de Diplo e mergulham fundo no gênero country. Esse afastamento se mostrou um desafio interessante para o diretor Brandon Dermer.

Conhecido pela sua abordagem “faça você mesmo”, Diplo descobriu o clipe de death metal que Dermer gravou para a banda Nekrogoblikon em 2012 e se tornou fã. Desde então, a dupla trabalhou em vários projetos, incluindo a série televisiva “What Would Diplo Do” para o serviço de streaming Hulu.

Em “So Long”, Diplo perguntou se Dermer estaria interessado em criar um novo vídeo. “Fazer um clipe sobre um DJ tocando em um festival de música country”, disse Dermer, “foi uma das experiências mais punk rock da minha vida.”

O objetivo era captar a experiência da maneira mais completa possível, incluindo vídeo da performance da Cam e imagens para o documentário do evento. “No início, nenhum de nós sabia como o Diplo seria recebido pelo público do Stagecoach. Nós queríamos captar tudo isso na câmera.”

Utilizando múltiplas câmeras, o cinegrafista Wojciech Kielar estava ansioso para ver o desempenho da URSA Mini Pro e do Blackmagic RAW em comparação a outros formatos. Kielar operou uma câmera e seu operador Justin Cameron filmou com a URSA Mini Pro. Inicialmente, Kielar seguiu Diplo e Cam nos bastidores enquanto Cameron captava planos de beleza e diversas imagens dos espectadores. Na hora do show, ambas as câmeras captaram as performances de Diplo e Cam no palco.

“Gravamos em ARRI ProRes 444 e Blackmagic RAW,” disse Kielar. “Ambas as câmeras possuem amplo alcance dinâmico e produziram imagens fantásticas.”

Após trabalhar com Dermer e Kielar extensivamente no passado, McNeal tinha uma boa noção do que a dupla idealizava para o vídeo. Ele procurou fazer uma combinação única entre uma vibe mais country e um estilo cinematográfico. “Usamos granulação intensa e realces quentes para destacar aquele visual cinematográfico”, disse McNeal, “e mantive a exposição dos tons médios e sombras mais baixa como um todo para dar um clima mais denso, negativo.”

A combinação do Blackmagic RAW com outros formatos no DaVinci Resolve se mostrou fácil. A ampla faixa dinâmica ofereceu a McNeal bastante latitude para harmonizar as imagens, assegurando que o público não perceberia a diferença. “Trabalhar com imagens bonitas do Brandon e do Wojciech é sempre uma diversão”, disse McNeal. “E ainda com o Diplo em um clipe de música country? Não tem como não gostar.”

Anúncios

Western Digital lança no Brasil o SSD portátil SanDisk® Extreme

14 jun

A Western Digital, empresa líder em tecnologia e soluções de armazenamento, traz ao mercado brasileiro o novo SSD Portátil SanDisk® Extreme. O produto é um dos menores e mais leves do mundo e oferece desempenho superior, com transferências de arquivos em alta velocidade de leitura de até 550MB/s*, sendo ideal para salvar e editar fotos, vídeos e arquivos em alta resolução.

O SSD Portátil da SanDisk possui um design reforçado e compacto, com revestimento em borracha, sendo menor do que um smartphone.  Com a certificação IP55, o SSD é resistente à chuva, respingos e poeira¹ além de quedas de até dois metros, sendo indicado tanto para uso interno ou ao ar livre.

O novo SSD portátil é compatível com os sistemas do Windows e do Mac. Acompanha conectores com altas taxas de transferência de dados, como USB 3.1 Tipo C, cabo USB Tipo C a C e adaptador Tipo C a A.O dispositivo conta também com o software SanDisk SecureAccess para gerenciamento dos arquivos. Este software permite ainda que o usuário crie uma pasta protegida por senha para armazenar seus dados privados⁵.

“Há mais de 25 anos, a marca SanDisk® criou a primeira unidade de estado sólido baseada em flash do mundo e isso foi apenas o começo. O novo SSD portátil SanDisk Extreme oferece aos consumidores liberdade de armazenar e aproveitar mais e melhor seu conteúdo, ao mesmo tempo em que apoia seus estilos de vida centrados em dispositivos móveis”, diz Alexandre Jannoni Country Manager da Western Digital no Brasil.

No Brasil o SSD Portátil SanDisk® Extreme chega nas capacidades de 250GB e 500 GB** a partir de R$799 e R$999, com garantia de três anos.

Areia Creations Produz Clipes de K‑Pop com Câmeras Blackmagic Design, Blackmagic RAW e DaVinci Resolve

14 jun

A Blackmagic Design anunciou hoje que a Areia Creations, uma gravadora independente baseada na Coreia do Sul, gravou os novos clipes musicais dos artistas Musky e Ferry utilizando uma combinação de câmeras Blackmagic Design Pocket Cinema Camera 4K, URSA Mini Pro e o codec Blackmagic RAW. A edição e a gradação dos vídeos foram feitas no DaVinci Resolve Studio com ajuda do DaVinci Resolve Micro Panel.

Slide

A fim de expandir o gênero global k-pop, misturando-o com novos talentos de diversas culturas, a Areia Creations produz clipes musicais marcantes, com cores vivas, para mostrar o talento e a pluralidade dos artistas.

Para as filmagens de “Ferry ft. Ki Peum Kim – Till Midnight”, Georgios “Jun Areia” Tryfonas, diretor e proprietário da Areia Creations, escolheu a Blackmagic Design Pocket Cinema Camera 4K baseado em duas considerações importantes: fator de forma compacto e amplo alcance dinâmico. Em uma configuração leve, sua Pocket Cinema Camera 4K foi instalada em um gimbal e não atraiu muita atenção de olhares curiosos, facilitando a captura de vídeo com alta qualidade.

Slide

“Esse vídeo de k-pop conceitual, ‘Ferry ft. Ki Peum Kim – Till Midnight’, pedia planos de imagens rápidos de um casal tentando se encontrar em um cenário urbano da Coreia do Sul. Então, não havia tempo para recarregar baterias ou correr de volta ao escritório para buscar alguma coisa”, disse Georgios “Jun Areia” Tryfonas.

“Com a Blackmagic Design Pocket Cinema Camera 4K como a minha câmera principal nessa filmagem, só precisei levar meu kit de lentes prime, baterias e gimbal, que couberam direitinho em uma mochila. Essa conveniência me permitiu economizar tempo e explorar mais locações em busca do plano de imagem perfeito”, continuou.

“A câmera possui amplo alcance dinâmico para mostrar a beleza da paisagem urbana da Coreia do Sul durante o dia e também para captar perfeitamente a vibração da noite em meio a todas aquelas luzes intensas da cidade. Acho que a filmagem ininterrupta com esse nível de qualidade só foi possível graças ao Blackmagic RAW e o fator de forma compacto, mais discreto, da Pocket Cinema Camera 4K.”

Slide

A utilização de um fluxo de trabalho completo da Blackmagic Design também trouxe benefícios significativos para a pós-produção. Isso ficou evidente quando Georgios “Jun Areia” Tryfonas realizou uma sessão de edição e colorização com a cliente do videoclipe de k-pop “LUA – F Crazy”.

“A cliente pôde escolher seus planos de imagem favoritos e comparar escolhas de cores diversas, diretamente no material editado, usando o DaVinci Resolve emparelhado com o intuitivo DaVinci Resolve Mini Panel. Tradicionalmente, esse seria um processo bastante técnico, mas o DaVinci Resolve Mini Panel ofereceu uma maneira rápida e divertida de envolver a cliente de uma forma criativa e entregar os resultados que ela esperava”, disse ele.

Slide

“Musky – I’m Leaving You Now” foi uma filmagem maior, que precisou de duas câmeras. A URSA Mini Pro foi escolhida como câmera A e a Blackmagic Pocket Cinema Camera 4K como câmera B. Ambas filmaram em Blackmagic RAW 4K para facilitar a harmonização das imagens e oferecer maior flexibilidade na pós-produção.

“Após o processamento das imagens com ciência de cores universal de quarta geração, parece que o material gravado com as duas câmeras foi captado pela mesma câmera. Convidei o produtor da empresa de entretenimento para o meu estúdio para que trabalhássemos juntos na versão final, após uma edição preliminar e gradação de cores. Só precisamos de uma única sessão; e o produtor gostou da facilidade de escolher os melhores planos de imagem e fazer mudanças na edição, já que o DaVinci Resolve Studio é fácil de entender mesmo para quem que não têm experiência com editores NLE”, disse ele.

EDITOR PACK | APROVEITE! Mais de 64.000 mil itens para você!

4 jun

EDITOR PACK! Mais de 64.000 mil itens para você! COMPRE AGORA CLIQUE AQUI!
https://www.editorpack.com/​

São mais de 64.000 MIL ARQUIVOS em 1 PACK, por R$ 49,00.

Ganhe um tempo precioso! Torne-se mais produtivo, aproveite e baixe agora: Valor final: R$ 450,00, valor com desconto, R$ 49,00.

Série The Chi do Showtime Utiliza Câmeras Blackmagic Design para Retratar a Região Sul de Chicago

4 jun

A Blackmagic Design anunciou hoje que o seriado “The Chi”, da Showtime Networks, contou com uma ampla gama de câmeras Blackmagic Design, incluindo os modelos URSA Mini Pro e Micro Studio Camera, na abordagem naturalista da região sul de Chicago dada pelo diretor de fotografia Abraham Martinez.

“The Chi” mostra um dia comum na vida das crianças de Chicago, que se preparam para ir à escola enquanto seus pais vão trabalhar, os jovens adultos tentam ganhar a vida e os idosos observam tudo da varanda. No entanto, a violência no local traz riscos reais e ameaça destruir os sonhos dos moradores dia após dia, e as decisões mais simples podem trazer consequências de vida ou morte.

Martinez queria que esse drama sobre amadurecimento fosse autêntico e realístico. “Eu queria que a câmera caminhasse ao lado dos nossos protagonistas. Queria transmitir a sensação de que estávamos no meio daquele dinamismo da cidade que afeta a vida dos nossos personagens”, disse Martinez. “Portanto, nossas câmeras precisavam ser flexíveis para essa jornada.”

“Acho que a utilização das minhas câmeras URSA Mini Pro se tornou uma espécie de técnica de pintura no meu fluxo de trabalho pessoal. Eu recorro a seis câmeras Blackmagic Design para que a minha paleta dê conta do trabalho flexível e das condições urbanas que requerem adaptação rápida.”

Filmar em locação em Chicago foi uma condição obrigatória para esse drama urbano, e os visuais representam um naturalismo que contrastava a vida doméstica e a rua. A equipe de “The Chi” usou as cores do ambiente para ajudar a conduzir o estilo. “Nós celebramos as cores de várias maneiras, desde o figurino até o design do set”, disse Martinez. “Nosso drama possui várias facetas: a interseção entre lar/vizinhança/rua, que é contraposta aos aspectos institucionais da cidade, ou seja, a prisão, a polícia e as histórias de pessoas cumprindo pena. Consegui criar esses dois mundos, no visual e no clima, e nós alternamos entre essas narrativas complexas e interligadas.”

Embora “The Chi” tenha focado no realismo, as filmagens em si, muitas vezes, foram rigorosas, obrigando a equipe de fotografia a trabalhar com rapidez. As câmeras Blackmagic ajudaram Martinez a captar imagens de alta qualidade mesmo na correria. “Meu arsenal Blackmagic Design está sempre pronto. Quando precisava de uma câmera em posição fixa para obter um ângulo adicional, nós usávamos uma delas. Quando eu precisava de um plano de estabelecimento, minha URSA Mini Pro estava pronta para a tarefa, nos ajudando a economizar um dia de trabalho. Já as unidades Micro Studio Camera foram usadas extensivamente ao longo das filmagens para fornecer ângulos mais artísticos, ajudando a conduzir a história e economizar tempo. Inclusive, tínhamos uma URSA Mini Pro montada em um sistema de gimbal em período integral, pronta para uso. Estávamos sempre preparados para operar no modo estabilizador.”

Slide

Com uma gama de câmeras tão ampla – e uma atenção especial à cor – Martinez não teve medo da harmonização das imagens. Trabalhando com Steven Bodner, da Light Iron, eles não tiveram problemas em combinar os looks de câmeras e fabricantes diferentes. “O espaço de cor da Blackmagic Design salientou o visual e a pegada das outras câmeras maravilhosamente.

Além da cor, Martinez destacou a combinação da qualidade de ponta e facilidade de uso. “Os sistemas de câmera deram conta das mudanças de locação rigorosas e das demandas da cidade”, disse Martinez. “A rapidez era fundamental e foi preciso pouco tempo para deixar os sistemas de câmera Blackmagic prontos para uso. Na maioria das vezes, basta uma lente, um cartão e uma bateria e estamos prontos para trabalhar.”

Blackmagic Design Anuncia Novo Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR

4 jun

A Blackmagic Design anunciou hoje o Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR, uma solução de monitoramento DisplayPort 8K avançada com sobreposições duplas de escopos na tela, HDR, LUTs 3D de 33 pontos e calibração do monitor desenvolvida especificamente para o mercado cinematográfico e televisivo e uma nova geração de monitores, como o Pro Display XDR. O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR estará disponível em outubro de 2019 através dos revendedores Blackmagic Design no mundo todo por US$ 1,295.

O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR é uma solução de monitoramento 8K para telas de computador DisplayPort ou monitores de alta qualidade como o Pro Display XDR. Diferentemente dos conversores básicos, o Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR pode utilizar analisadores de cores de terceiros para alinhar os displays conectados com exatidão para precisão de cores. Há dois escopos na tela que podem ser selecionados entre monitoramento em forma de onda, padrões, vetorscópio e histograma. O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR é perfeito para estúdios cinematográficos e teledifusores que precisam de um monitoramento de cores preciso e profissional, mas também acessível. Os clientes obtêm um design sofisticado com LCD colorido para monitoramento e controle das configurações.

O painel frontal inclui botões e um visor colorido para o vídeo de entrada, com medidores de áudio e indicador do padrão de vídeo. O painel traseiro oferece 12G-SDI com enlace quádruplo para formatos HD, Ultra HD e 8K. O usuário conta com duas conexões DisplayPort para monitores de computador convencionais ou monitores DisplayPort estilo USB-C como o novo Pro Display XDR. O redimensionador integrado garante que o padrão do vídeo de entrada combine com a resolução nativa do monitor DisplayPort conectado. Inclusive, os clientes podem conectar entradas 2SI e de Divisão Quadrada.

O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR possui tudo para satisfazer os fluxos de trabalho HDR mais modernos. Basta conectar um monitor DisplayPort compatível com HDR para obter monitoramento HDR em SDI. Os formatos Hybrid Log-Gamma (HLG) e PQ à base de metadados estáticos no VPID são operados em conformidade com os padrões ST2108-1, ST2084 e ST425. O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR processa ST425, o qual define 2 bits novos no VPID para indicar características de transferência SDR, HLG ou PQ. O padrão ST2108-1, por sua vez, define como transportar metadados HDR dinâmicos ou estáticos via SDI. Há suporte para ST2082-10 em 12G-SDI, bem como ST425 em fontes 3G-SDI. Ambos os espaços de cores Rec.2020 e Rec.709 são suportados, além de 100% do formato DCI-P3.

Há dois escopos completamente independentes na tela, assim a conformidade com os padrões broadcast fica mais fácil nos projetos críticos de alto nível. Os escopos são sobrepostos na tela, assim você pode personalizar posição, tamanho e opacidade. Os clientes podem selecionar uma variedade de escopos, incluindo forma de onda para exibição dos níveis de luminância do seu sinal de entrada. O monitor de vetorscópio permite a visualização da intensidade de cor a 100% dos níveis de referência SDI. Os clientes também obtêm monitores nos padrões RGB e YUV, ideais para correção de cor e verificação de níveis ilegais. O histograma exibe a distribuição dos detalhes de branco para preto nas suas imagens e o recorte de realces ou sombras.

O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR conta com as mesmas LUTs 3D de 33 pontos de alta qualidade utilizadas na indústria cinematográfica. É possível até calibrar o display conectado plugando um analisador de cor USB de terceiros e o Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR analisará o monitor e gerará uma LUT 3D para corrigir diferenças nas cores entre os displays. Duas LUTs 3D independentes podem ser carregadas e os clientes podem fazer a seleção através do painel frontal.Slide

Todas as entradas 12G-SDI de enlace quádruplo possuem saídas para executar um loop com outros equipamentos. E mais, todos os padrões HD, Ultra HD e 8K são compatíveis, o que permite o uso pela indústria cinematográfica ou broadcast. Em 720p, os clientes obtêm suporte para 50p, 59.94p até 60p. Em formatos 1080i, eles contam com 50i, 59.94i até 60i. Os formatos 1080PsF e 2160p são suportados de 23.98 a 60 fps. Há suporte também para os formatos DCI 2K e 4K de 23.98p a 60p. Os formatos 4320p 8K são compatíveis a 23.98, 24, 25, 29.97, 50, até 59.94. Com a conversão integrada de 2SI para Divisão Quadrada, uma fonte 8K é convertida automaticamente para o monitor. O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR também opera 3G-SDI nível A ou B, além dos formatos SDI YUV e RGB.

O painel frontal LCD fornece monitoramento de confiança e preciso tanto das imagens quanto dos medidores do nível de áudio. Há menus para todas as funções e é fácil navegar pelas páginas do menu para encontrar as configurações que precisam ser alteradas. Para habilitar as LUTs 3D, basta pressionar os botões 1 e 2. A calibração também é iniciada através dos menus e os clientes só precisam seguir as instruções para calibrar seu monitor. Os medidores de áudio podem inclusive ser alterados entre as balísticas VU ou PPM. Este modelo inclui configurações para a definição de escopos, como a sua localização ou opacidade na tela. Aliás, os clientes podem visualizar e editar configurações de rede.

Para a montagem em rack, basta que os clientes adicionem uma Teranex Mini Rack Shelf. Esta prateleira consiste em uma bandeja de metal que aloja o conversor e permite que seja rosqueado antes da prateleira ser aparafusada no rack. Naturalmente, o Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR também inclui pés emborrachados que podem ser anexados na parte inferior do conversor, caso os clientes desejem colocá-lo em uma mesa.

“Estamos animados em anunciar o novo Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR para os clientes que trabalham com o novo Pro Display XDR”, disse Grant Petty, diretor executivo da Blackmagic Design. “Ele oferece recursos de monitoramento críticos de HDR e cores, como escopos integrados, compatibilidade com LUTs 3D de 33 pontos, calibração baseada em análise automática e 8K nativo para os fluxos de trabalho mais modernos.”

Recursos do Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR

  • Inclui suporte para HDR via SDI e DisplayPort.
  • 2 escopos integrados sobrepostos ao vivo no monitor.
  • LUTs 3D de 33 pontos com qualidade cinematográfica.
  • Suporte para calibração do monitor automática usando analisadores de cor.
  • Entradas 12G-SDI de enlace quádruplo avançadas para 8K.
  • Redimensionamento do vídeo de entrada para resolução nativa do monitor.
  • Inclui LCD para configurações de menu e monitoramento.
  • Software utilitário para Mac e Windows incluído.
  • Compatível com os monitores e telas DisplayPort 8K de última geração.
  • Pode ser usado em mesa ou montado em rack.

Disponibilidade e Preço

O Teranex Mini SDI to DisplayPort 8K HDR estará disponível em outubro de 2019 através dos revendedores da Blackmagic Design no mundo todo por US$ 1,295, excluindo taxas.